Professora compõe músicas para ensinar Psicologia

Compartilhe:

Projeto inscrito na 2ª Mostra ressalta a importância das canções nas salas de aula.

Apaixonada por música e Psicologia, a psicóloga Marilda Couto, de Belém do Pará, inscreveu um projeto na 2ª Mostra Nacional de Práticas em Psicologia, o álbum intitulado Vontade de Viver, lançado em maio de 2011. “Precisamos sair daquele modelo científico e chegar mais perto das pessoas. Pensei na diversificação da ação, atuação e composição da Psicologia com a arte, capaz de auxiliar pessoas e dinamizar trabalhos em grupo, na escola ou no trabalho”, define.

Desde 1998, Marilda Couto utiliza melodias para introduzir e problematizar temas nas aulas que ministra de Psicologia da Personalidade e Psicopatologia em Belém. Segundo ela, o uso de músicas nos cursos permite a entrada de um elemento novo, que aguça a atenção e o interesse dos alunos. “As letras escolhidas são repletas de argumentos e sentimentos, constituindo um forte apelo interpretativo. Aprender a escutar é algo essencial na prática da Psicologia”, ressalta.

Com o tempo, a psicóloga percebeu que nem sempre encontrava nos intérpretes composições que traduzissem o assunto que queria falar na sala de aula, e começou a compor suas próprias músicas. “A canção Desejo do Desejo, por exemplo, aborda a condição de consumo extremo, a avidez em consumir existente em nossa sociedade contemporânea, apontada por alguns autores atuais como Freud”, explica.

Em maio de 2011, após três anos de trabalho em parceria com o contrabaixista Eraldo Costa, lançou seu primeiro álbum, intitulado Vontade de Dizer, com uma tiragem de mil cópias. “O nome foi escolhido com muito cuidado e tem uma alusão ao trabalho de Michel Foucault, ao mesmo tempo em que evoca conceitos psicanalíticos de repressão”, considera.

O disco Vontade de Viver está concorrendo com mais 111 álbuns ao Prêmio da Música Popular Brasileira pelo título de melhor CD de 2011, ao lado de nomes consagrados como Chico Buarque, Toquinho e Lenine.

Sobre a Mostra

A 2ª Mostra Nacional de Práticas em Psicologia, que acontece entre os dias 20 e 22 de setembro, em São Paulo, marca o ápice das comemorações dos 50 anos da regulamentação da profissão no Brasil. Ao todo, já são mais de 18 mil inscritos em todo o País.

Será um evento rico em experiências, trocas e intercâmbios entre psicólogas, psicólogos e sociedade. A entrada é gratuita e as inscrições podem ser feitas no site: http://mostra.cfp.org.br.

A reprodução das notícias é autorizada desde que seja citada a fonte: Conselho Federal de Psicologia.

6 Comments

  1. Nívea Cunha says:

    Maravilhoso!

    Reply
  2. Elizabete says:

    Conheço o CD,excelente da Psicologa Marilda Couto,que não é de Santarém,terra maravilhosa,mas de Belém do Pará.Marilda sempre utiliza a arte visual,músicas nos seus traballhos.

    Reply
  3. Mariane Bitencourt says:

    Lindo trabalho de Marilda Couto e Eraldo Costa.
    Apenas um detalhe: eles são de Belém do Pará!

    Reply
  4. Jussara says:

    Adorei a sua união música e psicologia com este enfoque.
    Parabéns.
    Jussara.
    Mas, onde encontro o CD para compra?

    Reply
    • MARILDA COUTO says:

      Obrigada Jussara. Vou levar o cd para o evento, se vc tambem for, a gente se vê lá. Em Belém, está à venda na FOX Vídeo.

      Marilda Couto

      Reply
  5. Aline Nunes says:

    Muito bom.!

    Reply

Leave a Comment